Revista Entremeios
ISSN 1809-0338 (impresso)
ISSN 2526-9496 (online)
Publicação Anual
   Rio de Janeiro, 09/05/2021

Edição: Volume 14, número 1, jan-jun./2018
Voltar  Busca Avançcada
Edicções
inicio do conteúdo
 
Formas intersticiais: a poética da impermanência em Yasujiro Ozu
Por: Thiago Rodrigues Lima


Este trabalho busca pensar o cinema de Yasujiro Ozu à luz de Ma, uma noção tradicional japonesa que diz respeito a uma qualidade intersticial. Percebemos que os filmes do diretor são atravessados pela singularidade da experiência estética e religiosa nipônica ao se valerem de um espaço-tempo intersticial em que uma atmosfera emerge a partir de uma afirmação formal do vazio (Ma). Principalmente em suas obras crepusculares, essa qualidade aciona um movimento plácido e um ritmo meditativo que emergem enquanto características fundantes de sua poética cotidiana. Tais movimentos emanam das relações intersticiais que são suscitadas pelo uso singular dos espaços e do tempo inscritos nos filmes.

Palavras-chave
Yasujiro Ozu; cotidiano; Ma; interstício.

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .


This work seeks to reflect upon Yasujiro Ozu’s cinema in light of Ma, a traditional Japanese notion that concerns an interstitial quality. We notice that the director’s films are permeated by the singularity of the Japanese aesthetic and religious experience when using an interstitial space-time in which an atmosphere emerges from a formal affirmation of emptiness (Ma). Especially in his late works, this quality triggers a placid movement and a meditative rhythm that arise as the founding characteristics of his poetics of the everyday. Such movements emanate from the interstitial relations that are provoked by the singular use of spaces and time inscribed in the films.

Key-words:
Yasujiro Ozu; everyday; Ma; interstice.

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .


Formas intersticiais: a poética da impermanência em Yasujiro Ozu


Edição: Volume 14, número 1, jan-jun./2018


Versão para impressão:
fim do conteúdo
          "Acrobat Reader", (Visualizar, pesquisar e imprimir arquivos PDF). Faça o download gratuíto.
rosca